Alimentação infantil e bem-estar

Já conhece a Livraria Florence? Acesse os links abaixo e descubra literatura incrível sobre alimentação infantil e bem-estar!
crianças saudaveis
Para que as crianças se tornem adultos mais saudáveis, é preciso criar bons hábitos alimentares. Ter a saúde em dia e valorizar os recursos naturais são benefícios mais que bem-vindos da pratica de uma alimentação saudável pelas crianças, e os pais tem muito a contribuir sobre o assunto.
Em um país como o Brasil, em que quase 10 milhões de pessoas estão em situação de insegurança alimentar, este é um tópico ainda mais necessário, pois valorizar a alimentação saudável é criar consciência sobre comer bem e não desperdiçar.
Mais ainda, criando hábitos mais saudáveis no seu filho é possível evitar doenças relacionadas à alimentação, como a obesidade e o diabetes, além de melhorar o desenvolvimento físico e mental da criança.
  • Dê o exemplo
Mais importante do que falar é fazer. Cabe à família estimular bons hábitos alimentares nas crianças, e isso começa pelo exemplo.
Comer de forma a valorizar alimentos saudáveis e nutritivos exige uma reeducação de todos os membros da família, a começar pelos pais. A criança olha para o pai e a mãe como modelos de comportamento, e cada atitude conta.
É claro que a alimentação das crianças exige certos cuidados que não são necessários para os adultos, na preparação e no tempero, por exemplo, mas é fundamental que os pais façam pelo menos uma refeição com os filhos (se possível, as três) e comam juntos a mesma comida simples e saudável.
  • O quê comer?
Crianças precisam de certos tipos de alimentos para ter uma vida saudável e de boa qualidade. Comer comida saudável deve ser algo normal durante as refeições e no lanche escolar, e a rotina fará com que as crianças se acostumem a uma alimentação natural e balanceada.
Peixes, ovos, açaí, queijos, leite e feijão, por exemplo, são alimentos básicos e protagonizam processo de crescimento e fortalecimento do corpo da criança, por conter grandes quantidades de proteínas e cálcio.
Além destes alimentos, a maioria das crianças adora algum tipo de fruta, e elas devem ser aliadas essenciais na busca por uma alimentação saudável. As frutas, de modo geral, são ricas em vitaminas, fibra, água e proteínas, o que é fundamental para dar energia e construir a imunidade a doenças.
As frutas podem ser introduzidas na dieta em substituição às sobremesas, e os refrigerantes podem ser trocados por sucos de fruta. Essa simples alteração na dieta traz enormes benefícios em curto e em longo prazo para a qualidade de vida da criança.
O ideal é que as frutas, as proteínas, os carboidratos, os legumes e as verduras devem compor receitas gostosas e visualmente interessantes. Quanto menos embalagens forem abertas, melhor, e, se possível, prepare os alimentos antes da refeição e peça a ajuda da criança em alguma etapa do preparo.
Reeducar hábitos alimentares de crianças que não tem o costume de comer de forma saudável é difícil, mas não é impossível, e certamente vai trazer enormes benefícios para o desenvolvimento físico e mental do seu filho, além de ser a base de um adulto mais saudável e com mais qualidade de vida.